Sacolas Itinerantes chegam ao 7º ano

 As Sacolas Itinerantes do projeto do JR e das Bibliotecas Públicas Municipais, já começaram a ser confeccionadas nesta semana pela equipe da Biblioteca Central. A previsão é que as entregas das sacolas comecem no mês de abril. “Até final de março, elas devem estar prontas”, afirmou Neide Cavalaro, coordenadora das bibliotecas de Rolândia. 
    Sempre coloridas, lúdicas e feitas com capricho, as sacolas ajudam a incentivar a leitura nas casas de cada aluno. Sempre às sextas-feiras, as escolas destinam as sacolas com cada aluno para que as leituras sejam feitas no final de semana. 
    A maioria dos materiais para a confecção das sacolas veio da secretaria de Educação e a biblioteca apenas acrescentou alguns itens. Segundo Neide, em 2019, serão 280 sacolas, mesmo número do ano passado, que é calculado de acordo com as solicitações das pedagogas de cada instituição escolar participante. As sacolas do ano anterior que ainda estão conservadas podem continuar a serem usadas, podendo atender ainda mais alunos pelo projeto. 
    A Sacola Itinerante Familiar atende 12 escolas municipais, 7 CMEIs e 4 entidades filantrópicas de Rolândia, e as famílias desses estudantes, que tem a partir de 4 anos (Educação Infantil) até aproximadamente 10 anos (Ensino Fundamental I). Além de livros que pertencem ao acervo de cada escola, a sacola inclui revistas e um exemplar semanal do JR para os adultos da casa e também para que as crianças já aprendam com as notícias.

As Sacolas Itinerantes do projeto do JR e das Bibliotecas Públicas Municipais, já começaram a ser confeccionadas nesta semana pela equipe da Biblioteca Central. A previsão é que as entregas das sacolas comecem no mês de abril. “Até final de março, elas devem estar prontas”, afirmou Neide Cavalaro, coordenadora das bibliotecas de Rolândia. 
    Sempre coloridas, lúdicas e feitas com capricho, as sacolas ajudam a incentivar a leitura nas casas de cada aluno. Sempre às sextas-feiras, as escolas destinam as sacolas com cada aluno para que as leituras sejam feitas no final de semana. 
    A maioria dos materiais para a confecção das sacolas veio da secretaria de Educação e a biblioteca apenas acrescentou alguns itens. Segundo Neide, em 2019, serão 280 sacolas, mesmo número do ano passado, que é calculado de acordo com as solicitações das pedagogas de cada instituição escolar participante. As sacolas do ano anterior que ainda estão conservadas podem continuar a serem usadas, podendo atender ainda mais alunos pelo projeto. 
    A Sacola Itinerante Familiar atende 12 escolas municipais, 7 CMEIs e 4 entidades filantrópicas de Rolândia, e as famílias desses estudantes, que tem a partir de 4 anos (Educação Infantil) até aproximadamente 10 anos (Ensino Fundamental I). Além de livros que pertencem ao acervo de cada escola, a sacola inclui revistas e um exemplar semanal do JR para os adultos da casa e também para que as crianças já aprendam com as notícias.