Redes Sociais

Imagem de: Fábio Iwakura

Marketing

5 dicas para sobreviver à crise

postado em 03/11/2015 08:23:19

Em épocas de recessão econômica, é fácil percebermos a mudança de comportamento do consumidor. O medo de perder o emprego, de ver sua renda reduzida ou de enfrentar dificuldades em pagar suas contas fazem com que o consumidor pise no freio em suas compras.

Tudo isso reflete no caixa da empresa. É só sair as ruas e percebemos a queda no movimento de nosso comércio. A redução nas vendas de produtos e serviços é uma realidade. Trata-se de um momento passageiro, não tenho dúvidas, mas antes de pensar em como voltar a crescer, nesse momento a prioridade é sobreviver a essa crise, Então, a pergunta que não quer calar é: o que fazer?

Listei aqui cinco dicas que podem ajudá-lo, meu amigo empresário, a superar essa fase tão turbulenta, vislumbrando um futuro mais promissor. 

  1. Controle os custos - Embora óbvio, muitos empresários desconhecem todos os seus custos – fixos e variáveis. É preciso um apontamento de todos os seus gastos, e a partir daí, analisar a possibilidade de reduzi-los. Por mais enxuto que seja uma empresa, sempre existe despesas a eliminar. Ah, e não se esqueça da inadimplência!
  2. Aposte em clientes estabelecidos – Em épocas de crise, oferecer seus produtos/serviços a clientes estabelecidos geram mais resultados do que vender para aqueles que ainda não tiveram experiência de compra com você. Pesquisas indicam que investir em consumidores que já são seus clientes é três vezes mais barato do que investir naqueles que ainda não o são.
  3. Adapte-se a mudanças – Reavalie o seu mix de produtos e verifique se está de acordo com aquilo que os consumidores estão procurando. Se necessário, mude o seu mix. Ofereça aquilo que o mercado procura. O conselho também vale para a sua política de preços. Estude a possibilidade de reduzir a sua margem de lucro momentaneamente; extenda o prazo de pagamento; conceda maiores descontos na venda à vista.
  4. Coloque a cabeça para fora da janela – O sucesso do seu negócio não depende apenas de sua competência. É preciso conhecer as tendências do seu segmento, aproveitando-se das oportunidades que ele oferece. Para isso, é importante que você levante informações de mercado, conversando com clientes, fornecedores e monitorando os seus concorrentes.
  5. Conte com o auxílio de um profissional especializado – Ter a ajuda de um consultor de empresas experiente é muito valioso em momentos de incerteza como a que estamos enfrentando. Sua visão de mercado e sua vivência profissional o capacitam a auxiliá-lo a buscar a melhor solução para o problema que está enfrentando. Lembre-se: a solução nem sempre está dentro de casa! 

Fábio Iwakura é consultor empresarial, diretor da Inteligência Consultoria Empresarial. Conheça um pouco mais de seu trabalho acessando www.iwakura.com.br. Contato: [email protected] / (43) 8404-0482. 

« Voltar

Anteriores